4 de janeiro de 2012

O Tempo: Após estiagem, chuva forte volta a atingir Belo Horizonte e região nesta quarta-feira

Origem: Após estiagem, chuva forte volta a atingir Belo Horizonte e região nesta quarta-feira

Após estiagem, chuva forte volta a atingir Belo Horizonte e região nesta quarta-feira
04/01/2012 15h28
Avalie esta notícia » 
MÁBILA SOARES
Siga em: twitter.com/OTEMPOonline
A
A
FOTO: NELSON PEREIRA/TWITTER
A tarde parecia noite nesta quarta-feira em Belo Horizonte.
Depois de pouco mais de 24 horas de estiagem, voltou a chover forte em Belo Horizonte e região metropolitana, nesta quarta-feira (4). Em alguns pontos da capital, já há registro de inundação, queda de árvores e chuva de granizo.
Na avenida Prudente de Morais com Joaquim Murtinho, no bairro Cidade Jardim, uma árvore de grande porte caiu e interdita a via, no sentido centro. Apesar do relatos de motoristas, a BHTrans não confirma o problema.
Pelo Twitter, várias pessoas relatam ainda a queda de chuva de granizo, principalmente na avenida Nossa Senhora do Carmo, região Centro-Sul, em vários pontos do bairro Anchieta, além de Nova Lima, na Grande BH.
Na rua Pouso Alegre, no bairro Horto, região Leste, motoristas devem redobrar a atenção, já que há pontos de inundação. De acordo com uma foto enviada via Twitter por Gleison Soares, alguns carros já foram tomados pela enxurrada. 
No cruzamento das ruas Grão Pará com Otoni, no bairro Funcionários, a situação também é complicada. De acordo com a Cemig, apesar da intensidade da chuva, ainda não há registro de queda de energia.
Segundo a Defesa Civil, em dezembro de 2011, o total de chuva em Belo Horizonte foi de 720 mm, sendo que a média histórica para o mesmo período era é de 320 mm. Foi o dezembro mais chuvoso nos últimos 100 anos. A previsão é de que chova, pelo menos, até quinta-feira (5).
No Estado
De acordo com a Defesa Civil Estadual, no decorrer do dia, a chuva continua em grande parte das regiões Sudeste e Centro-Oeste do Brasil, por causa da atuação da Zona de Convergência de Umidade e uma frente fria entre o litoral dos estados da Bahia e Espírito Santo.
Em Minas Gerais, o tempo segue instável e há risco de acentuado volume de precipitação nos municípios situados nas regiões Norte, Noroeste, Nordeste e Leste.  Áreas onde se deve redobrar cuidado, por causa dos alagamentos, deslizamentos de terra e elevação de nível dos rios, que geram transtornos a população.
A temperatura tende a se elevar gradativamente, principalmente no Centro, Sul e Oeste mineiro.

Nenhum comentário: