28 de janeiro de 2012

Agência BrasiL: Trabalho escravo e chacina de Unaí em debate no Fórum Social [capa]

Vamos pelo final da matéria: "O dia 28 de janeiro foi instituído como Dia Nacional de Combate ao Trabalho Escravo como uma forma de homenagear os cinco auditores fiscais do Trabalho assassinados durante uma fiscalização rural na cidade mineira de Unaí, em 2004. O crime ficou conhecido conhecido como Chacina de Unaí. Oito anos depois, dos nove acusados de participação nos assassinatos, quatro estão em liberdade, beneficiados por habeas corpus, entre eles o atual prefeito de Unaí, Antério Mânica, e o irmão dele, Norberto Mânica.[gm] Cinco estão presos, mas ninguém foi julgado ainda."


Agência Brasil-Fórum Social Temático

2 comentários:

Lucas Abreu Costa disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Lucas Abreu Costa disse...

É sempre bom bater nessa tecla do trabalho escravo. Importante lembrar dessa vergonha nacional. Condições precaríssimas de trabalho, trabalhadores expostos à exploração indiscriminada, não observância das leis trabalhistas e por aí vai..

Até onde sei, os fiscais que estavam em Unaí estavam fazendo seu trabalho, mas bateram de frente com os interesses da "oligarquia" local, não é?