19 de janeiro de 2012

Estadão: Relógios do mundo podem ter os horários alterados

Essa polêmica vai longe. Na outra vez foi um atraso de 1 segundo. Não deixa de ser interessante, mas à vista de muitos, totalmente inútil...

Relógios do mundo podem ter os horários alterados

Especialistas discutem se vão adequar os relógios à rotação da Terra ou se devem abolir a tradição e permanecer apenas com os horários estabelecidos por computadores

18 de janeiro de 2012 | 18h 32
Jamil Chade, GENEBRA
Por um segundo, governos travam uma batalha científica e, acima de tudo, comercial. Nesta quarta, 18, técnicos e negociadores de todo o mundo estão se reunindo em Genebra para decidir se devem manter a prática das últimas décadas de corrigir os relógios do mundo para se adequar à rotação da Terra ou se devem abolir a tradição e permanecer apenas com os horários estabelecidos por computadores ultrassofisticados.



Eduardo Nicolau/AE
O debate leva em conta a sincronização do horário
oficial mundial com o horário astronômico
Para garantir que o mundo esteja sempre no mesmo padrão de horário, 400 relógios atômicos foram distribuídos pelo planeta há anos. Mas, como a rotação da Terra não é sempre igual e pode ser afetada até mesmo por terremotos, esse horário absolutamente preciso marcado pelos relógios atômicos precisa ser corrigido uma vez a cada quatro ou cinco anos. Isso é feito adicionando um segundo a mais nos relógios, permitindo a sincronização do horário oficial mundial com o horário astronômico, que respeita a real rotação da Terra. Continue lendo.

Nenhum comentário: