21 de julho de 2012

Vi o mundo[Azenha]: Malco Camargos: Aécio não é imbatível em BH


Malco Camargos: Aécio não é imbatível em BH

publicado em 21 de julho de 2012 às 0:37

por Luiz Carlos Azenha


A política mineira voltou à normalidade. Depois da “anormalidade” de 2008, quando Fernando Pimentel do PT e Aécio Neves do PSDB apoiaram o mesmo candidato — Márcio Lacerda, do PSB –, desta vez o eleitor terá escolha na disputa pela Prefeitura de Belo Horizonte.

Tudo indica que não haverá segundo turno, já que a candidata do PSTU, Vanessa Portugal, luta para marcar 2% dos votos.

O senador Aécio Neves, embora importante cabo eleitoral, “não é imbatível” na capital mineira.

As considerações são do doutor em Ciências Políticas e professor da PUC de Minas Gerais, Malco Camargos.

Ele registra que as três pesquisas divulgadas até agora dão vantagem a Márcio Lacerda (PSB) sobre Patrus Ananias (PT), variando de 5% a quase 20%.

Afirma que o tempo de televisão será decisivo, aumentando a importância da batalha judicial pelo apoio do PSD, o partido fundado pelo prefeito de São Paulo, Gilberto Kassab. Por influência dele, o partido anunciou apoio a Patrus Ananias, mas lideranças locais ligadas a Aécio Neves se rebelaram.

Se o PSD ficar com o candidato petista, Patrus terá apenas 2 minutos a menos de tempo de TV que Lacerda. Caso contrário, a diferença será de 6 minutos (14 a 8 para o candidato do PSB, uma enormidade).

Malco Camargos afirma que o candidato petista terá pela frente a tarefa de relembrar os eleitores não só de sua gestão como prefeito da capital mineira, mas também dos mais de cinco anos que comandou o Ministério do Desenvolvimento Social e Combate à Fome.

Para o cientista social, o ex-presidente Lula e o senador Aécio Neves serão os cabos eleitorais mais importantes na disputa, mais até que a presidente Dilma e o governador Antonio Anastasia.

Malco afirma que Aécio Neves “não é imbatível” em Belo Horizonte. Em 1993, foi derrotado pelo próprio Patrus na disputa pela prefeitura. E, nas eleições presidenciais mais recentes, em 2010, Marina Silva foi a mais votada em Belo Horizonte, deixando para trás o candidato apoiado formalmente por Aécio, José Serra. Continue lendo e ouça os audios aqui.

Nenhum comentário: